Destaques no Teste de Eficiência Alimentar da Devon são usuários do Promebo

O Teste de Eficiência Alimentar da Devon, promovido pela Associação Brasileira de Criadores de Devon e Bravon (ABCDB) em parceria com a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), teve destaque de três exemplares avaliados no Programa de Melhoramento de Bovinos de Carne (Promebo). A prova Top Devon 2021 avaliou 21 touros, com idades entre 15 e 18 meses, de 11 criatórios gaúchos. Os animais foram divididos em três categorias: elite, superior e comercial, conforme as análises da pesquisa.

O primeiro lugar no ranking ficou para o reprodutor Santo Antônio 1289 Veneno, da Fazenda Santo Antônio, do criador Reinaldo Cherubini Filho, de Guabiju (RS). O animal alcançou um índice final de 4.525. Segundo Cherubini, o vencedor é fruto da genética do próprio criatório e tem forte concentração de consanguinidade do Santo Antônio 423, Grande Campeão na Expointer 2004. “Assim que ele voltar vou coletar sêmen. O touro se destacou numa prova oficial, então tenho que segurar essa genética”, afirma. 

A segunda colocação foi conquistada pelo animal de tatuagem 6052, da Cabanha Saudade, da pecuarista Ana Cecília Senna Ribas, de São Gabriel (RS). Em terceiro lugar, ficou o exemplar de tatuagem 1950, da Fazenda São Valentin, de Reinoldes Cherubini, de Nova Prata (RS). Para o diretor técnico da ABCDB, Lucas Hax, a participação de reprodutores em provas desse tipo e em programas de melhoramento genético é fundamental para uma seleção mais precisa no rebanho. “É possível identificar características zootécnicas que também são economicamente significativas. Sabendo o que aquele animal carrega na sua carga genética, temos um panorama de como será a progênie”, explica.

O teste iniciou em setembro e teve duração de 90 dias, sendo os primeiros 20 dias de adaptação às instalações da Estação Experimental Agronômica da UFRGS, em Eldorado do Sul (RS), e o restante de avaliações de características como Área de Olho de Lombo, acabamento e Eficiência Alimentar. A Superintendente de Registro da Associação Nacional de Criadores Herd-Book Collares (ANC), Silvia Freitas, pontua que animais usuários do Promebo têm mantido um destaque importante nos rankings de provas com critérios semelhantes. “Como vimos na Brangus, Hereford e Braford, os animais avaliados pelo Promebo se mantém com índices melhores nas demais pesquisas da pecuária de corte. Situação que comprova a importância de incluir os exemplares em programas de melhoramento”, destaca.

Também participaram da disputa exemplares da Cabanha da Volta, de Muitos Capões (RS), Estância da Pedreira, de Dom Pedrito (RS), Fazenda Palmeira, de Camaquã (RS), Estância da Gruta, de Pelotas (RS), Cabanha Santa Maria, de São Gabriel (RS), Cabanha Santa Alice, de Santa Maria (RS), Estância Saudade, de São Gabriel (RS) e Cabanha Santa Lucia, de André da Rocha (RS).

Com informações da Associação Brasileira de Criadores de Devon e Bravon (ABCDB)
Foto: Gustavo Rafael

Voltar